DIA 01 – A LABRUJA

30 04 2008

Alimentados e hidratados, os Homens do Pedal estão prontos para enfrentar a Famosa Labruja.

Até aqui ainda tinham tentado manter-se saudáveis, mas acabaram por perder a vergonha e… “Vamu Lá mas é Fumar Cigarros!”

O Calor aperta, e já estão mais de 30ºC.
Deixam ficar os Capacetes e o Camelbak do Kajó para irem todos mais leves.

Repostos os Níveis de Nicotina aí vão eles, de “Peito Feito”, a Caminho da Labruja!



Passada a velha Ponte sobre o Rio Lima lá se “fazem à estrada”.


“Estes gajos são mesmo moles!”


O Caminho, sempre muito bem marcado, segue tranquilamente…


…mas a Labruja começa a mostrar-se!


Uma pausa para descansar e ganhar coragem!
(leia-se fumar cigarros)


Aqui, o Kajó, já completamente “de rastos”, deixa mais uma das suas frases lapidares: “Olha lá Bully… Achas-me mais magro?”

Logicamente… foi Gargalhada Geral!
Afinal de contas, o rapaz só procurava uma razão que justificasse o facto de estar ali a penar daquela boa maneira.

Ela aí está!




Último “Briefing” antes do arranque definitivo para a Subida da Labruja!


E aí estão eles, literalmente, no “Meio do Mato”!


A Logística tem seguido os Homens do Pedal enquanto o terreno o tem permitido.



Quando não é possível, vai mais à frente e, espera-os nos pontos onde irão passar.
A comunicação, dependendo da proximidade, faz-se com o Megafone, os Walkie-Talkies e os Telemóveis.


O último troço…


…e a Cruz dos Franceses!
(ou Cruz do Mortos, que é mais ou menos como eles se sentem depois desta subida)

Tem Cuidado Kajó… Não derrubes isso aos homens!


Depois de penar como ele nunca pensou… o Kajó ganhou uma “Alma Nova”!



“Eu sou o Rei da Labruja”



Da descida já não há fotografias… a Malta tava com pressa de chegar a Rubiães!

Já cá em baixo, deitado no chão, o Santos resume a etapa com a seguinte frase:
“Eh… Afinal a Labruja até nem é assim grande coisa!”

Mais uma Gargalhada Geral.


Eram 19.20H, os homens já tinham 77 Km nas pernas, em Rubiães havia Albergue de Peregrinos, já tinhamos falado com o Presidente da Junta (que segundo o Kajó, até tinha duas filhas jeitosas) e tudo indicava que sería ali o fim do Dia 01.

Puro Engano!

Como ainda tinhamos mais uma hora e meia de Sol, o incansável “Chefe de Fila” Pedro Santos lá conseguiu arrastar os Homens, por mais 18 Km, até Valença!


Tempo: 04:50H
Distância: 19.00 Km
Média: 03.93 Km/H
Frase da Etapa: Olha lá Bully… Achas-me mais magro? (Kajó)
Frase da Etapa: Eh… Afinal a Labruja até nem é assim grande coisa! (Santos)
Frase da Etapa: É Bonito! (Mestre Guerra)

bito
24.04.2008

Anúncios

Acções

Information

One response

15 05 2008
Cláudia Matias

Boa iniciativa, continuem com esse espirito de sacrificio, com boa disposição.
Aventuras como essa não se fazem por fazer, todos os peregrinos tanto os de bicicleta com vocês, ou a pé como eu temos algo muito forte que nos leva ao nosso destino.

Continuem para o ano há mais, quedas, alegrias, dificuldades e o sentimento de dever cumprido á chegada.

Cláudia

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: